acoes de intervencao pedagogica

9 ações de intervenção pedagógica para reduzir o desnível de conhecimento

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no twitter

Sumário

Os estudantes aprendem em ritmos diferentes e nem sempre todos os alunos apresentam o mesmo desempenho quando o ensino não é personalizado. O desnível de conhecimento pode significar problemas de aprendizagem, e nesse cenário, intervenções pedagógicas podem ser necessárias.

Uma intervenção pedagógica acontece quando se observa dificuldades que atrapalham o desenvolvimento no aprendizado dos alunos. Conduzida pelo professor, essa interferência tem o objetivo de ajudar os estudantes a aprender e superar os desafios.

Não existem fórmulas prontas para ações de intervenção pedagógica, elas devem levar em conta as características individuais de cada aluno, além do contexto e da realidade do estudante.

Alguns procedimentos podem ajudar a encontrar as ações de intervenção pedagógica mais adequadas para os seus alunos. Neste artigo, vamos conhecer algumas delas e entender melhor como elas funcionam.

O que é uma intervenção pedagógica?

A intervenção pedagógica acontece quando o professor ou psicopedagogo precisa interferir no processo de desenvolvimento de um aluno que apresenta problemas de aprendizagem.

Essa interferência acontece através de estratégias e abordagens educacionais que possibilitem ao aluno absorver o conhecimento de forma diferenciada.

Uma ação de intervenção pedagógica tem o objetivo de:

  • Melhorar o engajamento dos estudantes
  • Aproximar a família da escola
  • Aumentar o desempenho dos alunos
  • Facilitar os processos dos professores
  • Reduzir desníveis de conhecimento

Ao longo deste artigo vamos conhecer as propostas de intervenção pedagógica e como elas podem ser realizadas. Mas antes de ver os exemplos, vamos entender mais sobre os fatores que pedem intervenções psicopedagógicas na sala de aula.

Quando realizar ações de intervenção pedagógica?

As ações de intervenção pedagógicas são indicadas para situações em que os estudantes apresentem dificuldades de aprendizagem.

açoes para intervenções pedagogicas

As ações devem acontecer a partir do momento em que o professor identifica a dificuldade, evitando que o problema seja amplificado e comprometa o desenvolvimento do aluno.

Cada segmento da educação básica apresenta desafios que devem ser observados e que podem indicar a necessidade de interferências psicopedagógicas.

A educação infantil é um dos momentos mais propícios para a realização de intervenções pedagógicas, pois é nessa fase da vida que costuma-se identificar mais dificuldades de aprendizagem, principalmente no processo de alfabetização.

Nessa faixa etária, atividades lúdicas como jogos e brincadeiras podem ajudar a despertar o interesse na leitura, enquanto contação de histórias e atividades em grupo estimulam a criatividade e a sociabilidade da criança.

Já nos anos finais do ensino fundamental e no início do ensino médio, período em que se observa os piores indicadores de desempenho escolar, segundo o Ideb, a intervenção pedagógica tem caráter interdisciplinar e integral, mobilizando a família e a escola para identificar as lacunas de aprendizagem dos alunos.

Saiba mais >> IDEB: O que é o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica?

Como montar uma proposta de intervenção pedagógica?

O planejamento de intervenções pedagógicas deve vir acompanhado de diagnósticos levantados por avaliações com os alunos.

Para elaborar propostas de intervenção eficazes, o professor e demais profissionais da educação precisam de informações para analisar e encontrar as dificuldades dos estudantes.

As avaliações devem ser realizadas de forma contínua, e o acompanhamento não deve se restringir às provas do calendário da escola.

É importante que a gestão escolar disponha de meios para mensurar os resultados das avaliações, como sistemas de ensino integrados e dados sobre o desempenho dos alunos.

Também é possível comparar o resultado entre as turmas para identificar pontos que necessitam de maior atenção e problemas individuais que necessitem de intervenção.

A intervenção pedagógica no ensino remoto

Os desafios do ensino remoto emergencial aumentaram a necessidade de ações de intervenção pedagógica nas escolas.

Longe do ambiente controlado da sala de aula, a dificuldade de concentração e de absorção do conhecimento aumentou, o que resultou, entre outros reflexos, na abstenção recorde de candidatos na prova do Enem de 2020.

Para reduzir as dificuldades de aprendizagem dos alunos na educação online, as escolas devem investir em alternativas de ensino eficazes, como a tutoria digital, e ampliar a atenção para os alunos, com acompanhamento e feedback constantes.

Selecionamos algumas propostas de intervenção pedagógica que podem ser utilizadas tanto para salas de aula presenciais quanto em aulas remotas.

9 ações de intervenção pedagógica para aula presencial e online

Após identificar as principais dificuldades de aprendizagem dos alunos, é importante conhecer as ações de intervenção pedagógica. Neste artigo, elencamos 9 sugestões que podem ser aplicadas em aulas online ou presenciais.

1 – Aulas de revisão

As aulas de revisão são o modelo de intervenção pedagógica mais conhecido e aplicado. O objetivo das aulas é atender os conteúdos e temáticas que os alunos têm mais dificuldade.

É importante que o professor busque abordagens diferentes para ensinar o assunto. Dessa forma, a revisão pode apresentar resultados interessantes para os alunos que não aprenderam de primeira.

O mais difícil dessa abordagem é priorizar as principais dificuldades dos alunos, por isso o TutorMundi oferece relatórios completos, identificando as maiores dúvidas dos alunos por matéria, conteúdo, turma e até mesmo individualmente.

Em aulas remotas, a utilização de vídeos é uma ótima alternativa de trazer novos elementos para apresentar o conteúdo para os alunos, com o auxílio de recursos visuais e sonoros.

2 – Plantão de dúvidas

O plantão de dúvidas é uma ferramenta muito útil para ações de intervenção pedagógica. Em um espaço dedicado para atendimento individual, os estudantes podem tirar dúvidas com professores ou tutores sobre uma matéria ou exercícios específicos.

O plantão ajuda no desenvolvimento de uma rotina de estudo dos estudantes, e o ideal é que ele acompanhe todo o ano letivo, não se restringindo ao suporte para as avaliações.

A atividade pode ser realizada tanto em encontros presenciais, com salas de aula ou espaços reservados na escola, ou através de ferramentas virtuais.

Saiba como montar um plantão de dúvidas na sua escola neste artigo completo sobre o tema.

3 – Microlearning

O microlearning, ou micro aprendizado, é uma estratégia de ensino que utiliza pequenas doses de conteúdo para ensinar. A abordagem é muito comum em aplicativos para smartphone, como o Duolingo, que ensina línguas através de pequenas lições.

A micro aprendizagem pode ser uma alternativa de intervenção pedagógica, pois melhora a retenção do aprendizado, aumenta o engajamento dos alunos e facilita a memorização de conceitos.

As escolas podem utilizar microlearning em suas aulas em atividades que durem em média 5 minutos para serem concluídas, e também é importante que a micro aprendizagem seja utilizada como parte do aprendizado, e não como única ferramenta de ensino.

4 – Grupos de estudo

Como exemplifica a famosa pirâmide do aprendizado de William Glasser, nós aprendemos mais e melhor quando conversamos sobre o que estamos estudando e principalmente quando ensinamos aos outros.

Como proposta de intervenção pedagógica, os grupos de estudo permitem explorar ao máximo a capacidade de aprendizagem dos alunos, ao colocá-los em postura ativa na construção do conhecimento com seus pares.

Os grupos de estudo colocam o estudante no protagonismo, o que permite que o conteúdo seja absorvido de forma mais leve e simplificada, compatível com a linguagem do aluno.

Em atividades em grupos, o professor assume o papel de mediador, intervindo com orientações e organizando a turma para obter melhores resultados.

As metodologias ativas de aprendizagem, como a aprendizagem baseada em equipes (TBL), utiliza grupos de alunos para otimizar as aulas. 

Saiba mais >> Aprendizagem baseada em equipes (TBL) nas suas aulas

5 – Atividades de ensino híbrido

O ensino híbrido ganhou muita força nos últimos anos por oferecer uma abordagem que une tecnologia com atividades presenciais.

Ao aproximar a abordagem pedagógica do ambiente virtual dominado pelas crianças e adolescentes, a escola deixa os alunos mais interessados e engajados com as atividades.

Existem diversos modelos de ensino híbrido que podem ser utilizados tanto para formular a grade curricular por completo quanto para ações de intervenção pedagógica.

e-book ensino híbrido

Selecionamos 6 atividades de ensino híbrido que vão despertar o interesse dos alunos pelo conteúdo estudado em sala de aula. Acesse e confira!

6 – Gamificação

O termo gamificação passou a ocupar um lugar de muito destaque no ambiente escolar, por usar a tecnologia e a interatividade para construir experiências de aprendizado.

A gamificação consiste em utilizar jogos ou elementos de jogos no processo de ensino aprendizagem. A estratégia leva abordagens naturais do mundo dos games, como pontuação, avatar, ranking e desafios para a sala de aula.

As estratégias de gamificação não são a mesma coisa que usar jogos pedagógicos. Os jogos consistem em um sistema completo, já a gamificação utiliza alguns elementos da dinâmica dos jogos para promover atividades pedagógicas.

Como proposta de intervenção pedagógica, a gamificação aumenta o interesse e a motivação dos alunos, torna o aprendizado mais dinâmico e divertido e melhora a autonomia do estudante.

7 – Webquest

Uma possibilidade de trabalhar com a internet em intervenções pedagógicas é a webquest. A atividade consiste em indicar tarefas para os alunos, que devem buscar a resolução dos problemas de forma criativa.

A webquest usa ferramentas simples disponíveis online gratuitamente para promover atividades lúdicas e de alto nível de engajamento. Como são ações envolventes e divertidas, os alunos participam muito mais do que atividades tradicionais e ajuda no desenvolvimento de uma cultura de aprendizagem.

Para saber como a webquest funciona e aprender como aplicá-la em sala de aula, acesse nosso post sobre o webquest aqui no blog.

8 – Monitoria

A monitoria é uma das modalidades de intervenção pedagógicas mais conhecidas e eficazes. Semelhante ao plantão de dúvidas, a monitoria consiste em trabalhar com professores auxiliares ou estudantes no atendimento às dúvidas dos demais alunos.

Através de um processo seletivo, os alunos que tiverem interesse podem se candidatar a uma vaga de monitor. Dessa forma, além de colaborar com o aprendizado dos colegas, os estudantes monitores podem receber bonificações, como notas ou benefícios estudantis.

O estudante que busca monitoria para resolver suas dúvidas tem um atendimento personalizado e individual, podendo desenvolver melhor suas habilidades.

9 – Tutoria digital

A tutoria online tem o objetivo de oferecer ao aluno acompanhamento personalizado e individual, na hora que ele precisa e onde a dúvida surgir.

As escolas que adotam a tutoria digital ganham mais tempo para os professores desenvolverem suas atividades e permite que os alunos se sintam mais confiantes com tutores disponíveis a qualquer hora.

Saiba mais >> 10 benefícios da tutoria no ensino-aprendizagem dos seus alunos

O TutorMundi é um dos pioneiros na tutoria digital no Brasil, e atualmente conta com mais de 2 mil tutores cadastrados das principais universidades do país.

Os atendimentos acontecem em todo o país, nas áreas de matemática, física, química, biologia, português, história, geografia, inglês e espanhol, sociologia e filosofia, além de correções completas de redação.

>> Saiba como o TutorMundi ajudou o Colégio Fator a manter sua cultura de aprendizagem durante a pandemia

A escola que adota propostas de intervenção pedagógica inovadoras como a tutoria digital garante alunos mais independentes e satisfeitos, com dúvidas solucionadas na hora que elas surgem, e mais preparados para encarar os desafios.

Conclusão

As ações de intervenção pedagógica têm o objetivo de reduzir as dificuldades dos alunos antes que virem problemas graves de aprendizagem. Os professores precisam estar atentos para os primeiros sinais que indiquem a necessidade de intervir e agir de imediato.

Em tempos de ensino remoto, a gestão escolar deve oferecer ferramentas e condições para que os professores promovam suas atividades de forma eficiente e com qualidade, sempre atenta aos resultados e às demandas dos alunos.

Fontes

http://www.gestaoescolar.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/pdf/projeto_de_intervencao_pde2013.pdf

https://revista.facfama.edu.br/index.php/PedF/article/view/150

Compartilhar esse artigo:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no twitter
Rodrigo Dutra

Rodrigo Dutra

Estrategista de marca e especialista de conteúdo, minha missão é encontrar formas de flexibilizar e personalizar o aprendizado para que alunos irem além de seus potenciais.

7 respostas

  1. Texto bem elaborado e altamente significativo para melhorias da prática docente dos educadores. De forma didática, o autor consegue explicitar a temática discutida, por meio de mecanismos discursivos eficazes, que contribuem, sobtemaneira, para a ampliação do fazer- pedagógico do professor, bem como para a consistência no uso de ferramentas didático- metodologias capazes de tornar bo processo educativo eficiente e produtivo para os estudantes. Parabéns!

  2. O texto está bem elaborado, com conteúdos da atualidade, muito bem explicado ,olhando assim cada deficiência no aprendizado do estudante.

    1. Trabalho excelente! Ajuda de suma importância para professores que necessitam de recursos e embasamento para seus problemas pedagógicos…neste momento tão crucial de pandemia, que deixou nosso alunado com bastante defasagem no aprendizado.

Gostou? Deixe sua opinião

Quer inovar a jornada educacional?

Seja um líder educacional e inscreva-se em nossa newsletter.

Esse website usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação