fbpx
Jovem aluno estudando sozinho em seu computador, praticando a aprendizagem ativa.

Como usar a aprendizagem ativa para revolucionar sua escola

Compartilhe

Sumário

Atualmente, muito se fala sobre a necessidade da aprendizagem ativa na educação, sobre o protagonismo do estudante e de metodologias ativas.

Mas, afinal, o que é aprendizagem ativa? Quais suas vantagens na educação?

Vamos responder essa e outras perguntas neste artigo! Boa leitura.

Banner com a capa do E-book do TutorMundi sobre o Guia das Metodologias Ativas para ajudar escolas a se revolucionarem com o uso da aprendizagem ativa.

O que é aprendizagem ativa?

Aprendizagem ativa é o termo usado para se referir a um processo de aprendizagem em que o aluno participa ativamente do ensino.

Na aprendizagem ativa, o estudante é colocado no centro do processo de ensino-aprendizagem e, por isso, participa de fato dele. Assim, o professor se torna um suporte e não é mais o detentor do conhecimento.

Nessa metodologia de ensino, o ritmo, as lacunas, os interesses do aluno e a forma que ele prefere aprender são considerados, e o estudante realiza coisas como:

  • Resolver problemas;
  • Preparar-se de antemão estudando em casa;
  • Uso de tutoria online;
  • Aprender em grupos;
  • Participar no tempo de aula com debates, por exemplo.

Dessa forma, o aluno de fato aprende por colocar em prática o conhecimento de várias formas e estudar da forma que é mais eficiente para ele.

As tecnologias também auxiliam muito neste processo, por isso, a aprendizagem ativa está muito ligada ao conceito de educação 4.0.

Quais são as vantagens da aprendizagem ativa na educação?

Aluna estudando sozinha em seu computador e fazendo anotações no caderno, praticando a aprendizagem ativa
pexels

Como na aprendizagem ativa o aluno aprende participando ativamente da aula, muitas vantagens existem em comparação com essa metodologia e as tradicionais de ensino, como:

  • Melhor retenção do conhecimento – de acordo com a pirâmide de aprendizagem, quanto mais prática for executada, mais o aluno retém o conhecimento;
  • Aprendizado divertido – como nessa metodologia as aulas expositivas não têm tanto espaço, o aluno se diverte estudando;
  • Aluno protagonista – na aprendizagem ativa o aluno de fato é o protagonista do aprendizado, sendo responsável pelo seu processo de ensino e pelas suas ações;
  • Diminuição da sobrecarga docente – por conta dos alunos serem mais ativos e as aulas diferenciadas, o peso colocado sobre o professor é menor;
  • Diminuição da evasão escolar – como ir para escola é divertido, os estudantes não deixam de frequentar;
  • Melhor preparação para o mercado de trabalho – o desenvolvimento de um cidadão mais autônomo é justamente o que é requisitado no mercado de trabalho;
  • Melhor desempenho escolar – por ser mais divertido aprender, ter um melhor desempenho nas provas é um caminho natural.

 Por essas vantagens, utilizar a aprendizagem ativa na educação é fortemente recomendado para o sucesso escolar.

O que são metodologias ativas de aprendizagem?

As metodologias ativas de aprendizagem são o meio para que a aprendizagem ativa seja possível, ou seja, é preciso aplicar novas metodologias para que o ensino ativo seja de fato possível.

As metodologias ativas então ocupam o espaço das aulas tradicionais para que o aprendizado seja ativa, fazendo com o protagonismo do aluno se destaque.

Então, as metodologias ativas de aprendizagem trabalham colocando o aluno como o centro do processo de ensino e aprendizagem, deixando o estudante com um papel muito mais ativo nas aulas.

Mas como exatamente se aplicam essas metodologias e quais são elas? Veja em seguida!

Metodologias ativas para aplicar na escola

Existem diversas metodologias ativas de aprendizagem para serem aplicadas em sala de aula, e a mais adequada para sua aula vai depender de seus objetivos, do estilo da turma e do conteúdo a ser ensinado.

Três crianças usando um brinquedo como suporte para os estudos, praticando a aprendizagem ativa.
pexels

Não existe uma metodologia melhor que a outra, existem metodologias diferentes que podem se aplicar a contextos diferentes de acordo com as preferências do docente também.

São algumas das metodologias ativas:

  • Gamificação;
  • Rotação por estações;
  • Sala de aula invertida;
  • Aprendizagem baseada em equipes;
  • Aprendizagem baseada em projetos;
  • Aprendizagem baseada em problemas;
  • E outras atividades de aprendizagem.

Entenda algumas delas em seguida!

Gamificação

A gamificação é uma aprendizagem usando jogos educativos, sendo uma metodologia bem eficiente e fácil de aplicar na escola.

Isso porque os alunos já estão acostumados com jogos, além de terem uma natureza competitiva que os faz ficarem bem engajados nas aulas.

É possível gamificar as atividades com facilidade usando aplicativos e sites modernos, como:

  • Quizziz;
  • Quizlet;
  • Socrative;
  • Wordwall;

Nenhum desses programas exige conhecimentos de programação, os modelos de games e quizes já estão prontos, basta adicionar o conteúdo, o que fica uma tarefa bem fácil para o professor executar em pouco tempo.

Além disso, é possível utilizar jogos que não necessariamente foram feitos de forma educativa, mas servem bem esse propósito, como:

  • Age of Empires;
  • Assassins Creed Discovery Tour;
  • Minecraft;
  • SimCity entre outros.

Tudo dependerá do objetivo e da criatividade do professor.

Banner com a capa do E-book do TutorMundi sobre o Guia das Metodologias Ativas para ajudar escolas a se revolucionarem com o uso da aprendizagem ativa.

Rotação por estações

Esta metodologia ativa consiste em criar estações diferentes na sala de aula. Cada estação precisa ter uma atividade diferente, mas que não seja pré-requisito de nenhuma outra estação. Além disso, deve ter começo, meio e fim, nenhuma estação pode ficar incompleta.

O tempo em cada estação pode variar entre 10 e 20 minutos, dependendo do tempo de aula e dos objetivos do professor.

Podem haver quantas estações forem necessárias, mas os alunos precisam fazer o ciclo completo, por isso, é preciso fazer a programação de acordo com o tempo de aula disponível.

Por exemplo, se o tempo é de apenas uma aula, 3 estações de 15 minutos já vai ser o suficiente, mas é sempre bom deixar uns minutos para que os alunos consigam se deslocar e entenderem o que precisa ser feito.

Divida a turma de acordo com o número de estações e coloque cada grupo em uma, então, após o fim do tempo, há uma rotação.

Ilustração demonstrando como dividir a turma de acordo com o número de estações para haver uma rotação, apresentando uma aprendizagem ativa que pode revolucionar o ambiente escolar.

Exemplo de rotação por estações

Em uma aula de redação, por exemplo, se o objetivo for ensinar a estratégia argumentativa da analogia:

  1. Nesta estação, os estudantes vão ler redações nota 1000 que fizeram uso dessa estratégia e anotar coisas que acharam interessantes.
  2. Aqui os estudantes vão jogar um game em que eles precisam responder questões sobre o uso da analogia.
  3. Nesta outra estação, os alunos vão pensar em parágrafos usando analogia com filmes, animes, jogos e séries que eles conhecem.
  4. Agora os estudantes vão entrar em contato com um tutor online para escreverem um parágrafo usando analogia.

Neste exemplo, cada estação tem 10 minutos para caber no espaço de uma aula.

Sala de aula invertida e aprendizagem ativa

Nesta metodologia ativa de aprendizagem, os alunos aprendem em casa e usam o espaço da sala de aula para tirar dúvidas e colocar em prática o conhecimento, por isso o nome de sala de aula invertida.

Algumas atividades que podem ser realizadas para que eles aprendam fora da escola são:

  • Roteiro de estudos;
  • Lista de exercícios;
  • Assistir a videoaulas;
  • Preparar um seminário;
  • Preencher um questionário;
  • Leitura de um material;
  • Uso do Ambiente Virtual de Aprendizagem;
  • Explicação com um tutor online.

Então, em sala de aula, o professor tira as dúvidas que ficam e os faz colocar em prática o conhecimento, por exemplo, com a resolução de um problema.

Tutoria Digital e a aprendizagem ativa

Essa metodologia ativa de aprendizagem é utilizada para complementar as outras, podendo facilmente ser aplicada em várias delas.

A tutoria digital permite ao aluno tirar dúvidas em qualquer momento, exatamente na hora que a dúvida surge, o que o estimula a buscar cada vez mais conhecimento.

Com a facilidade de contatar um tutor, também há melhora da autoestima, já que ele não fica preso em um problema se sentindo incompetente e incapaz de avançar.

Ao ter acesso ao tutor sempre que precisa, o estudante consegue aprender mais fora da sala de aula, tendo mais autonomia e flexibilidade na sua rotina escolar.

O TutorMundi é uma plataforma de tutoria online em que o estudante consegue tirar dúvidas com universitários das melhores faculdades do Brasil sem precisar agendar.

Os atendimentos ocorrem por chat com o auxílio de imagens, áudios e vídeos e todos ficam registrados e geram relatórios que podem ser acessados pela coordenação escolar e pelos professores.

Com isso, o corpo docente consegue preparar aulas focadas nas dificuldades dos estudantes e abordar uma perspectiva mais interdisciplinar.

Ficou interessado? Conheça uma escola que aplicou o TutorMundi e o sucesso que foi! 😍

Conclusão

A aprendizagem ativa traz muitos benefícios para a educação e as metodologias ativas de aprendizagem são o caminho para conseguir realizá-la.

Por isso, vale a pena revolucionar a escola trazendo a aplicação dessas metodologias, pois os resultados são excelentes.

Baixe nosso e-book de metodologias ativas e comece a aplicá-las agora mesmo!

Compartilhar esse artigo:

Gostou? Deixe sua opinião

Inscreva-se para receber conteúdos e notícias sobre ensino híbrido e personalização da aprendizagem no seu e-mail toda a semana.

Quer inovar a jornada educacional?

Seja um líder educacional e inscreva-se em nossa newsletter.

Esse website usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação